ECG 23

Galeria

Esta galeria contém 1 imagem.

Paciente de 18 anos com ECG abaixo. Qual é o laudo deste eletrocardiograma? Laudo do ECG – Ritmo sinusal com BAV mobitz I (Wenckebach) : note na derivação DII a presença de aumento progressivo do intervalo PR com 2 ondas … Continue lendo

ECG 16

Este ECG (DII longo) pertence a um cachorro da raça boxer com história de dispnéia progressiva.

Quais as alterações marcadas neste traçado ? Dê o seu diagnóstico! Elas podem ser encontradas em humanos.

Clique na imagem para ampliar

Laudo final:

-Ritmo sinusal com bloqueio intermitente do fascículo de Bachmann (bloqueio intra-atrial)

Comentários:

Dr. Felipe Augusto O. Souza

Neste traçado de DII longo observamos ondas P sinusais intercaladas por ondas P de morfologia bifásica de duração prolongada as custas da porção terminal mais negativa (asteriscos – figura acima)

O cachorro apresentava quadro de dispnéia progressiva que motivou a consulta com o veterinário. Foi visto  no ecocardiograma transtorácico deste cão uma massa provavelmente de etiologia neoplásica (não realizado necrópsia) que fazia compressão pelo seu relativo volume no interior do átrio direito. Vide mais informações no artigo original

Isto tudo seria explicado da seguinte maneira: O átrio direito foi ativado normalmente (dando o componente positivo da onda P em II, III, e aVF), mas o impulso elétrico não alcança o átrio esquerdo pelo fascículo de Bachmann, devido ao bloqueio intermitente (figura abaixo) secundário a compressão da massa neoplásica sobre ele. Para que haja a despolarização do àtrio esquerdo, o estímulo proveniente para esta despolarização se dá de forma retrógrada (direção caudal-cranial) pela existência de feixes de condução internodal existentes nas proximidades do nó atrioventricular, produzindo o componente negativa da onda P, como se vê no traçado eletrocardiográfico.

Os critérios diagnóstico eletrocardiográficos para o bloqueio do fascículo de Bachmann : ondas P com morfologia plus-minnus (bifásica) com porção terminal desviada para cima e para esquerda, aumento da duração da onda P > 120ms na ausência de sobrecarga atrial esquerda.

Um grande abraço a todos! Adicione ecgepm no twitter e no facebook !